Volkswagen Jetta com rodas da Mercedes aro 20.

Com a crise que se abateu no mundo, muitos mercados sofreram, mas existe um mercado que sofreu pouco a crise, e esse é o mercado de compra e venda de usados, muito útil nos últimos tempo de crise. O mercado de de usados oferece a possibilidade de comprar vários itens de ótima qualidade, por um preço muito conveniente.

Hoje felizmente, em praticamente todas as cidades do Brasil, existem sites de classificados que são especializados nesse mercado. E aproveitando desse veículo de comunicação muitas pessoas comuns anunciam ali, carros, motos e todos os tipo de automotores a fim de vender o produto por um preço melhor, uma vez que estará negociando diretamente com o consumidor final.

Porém é muito importante, ter muita atenção em alguns detalhes antes de comprar olhando somente a primeira foto exposta e as informações passadas pelo vendedor. Se você quer comprar um carro ou uma moto usada ou seminova sem ter dor de cabeça, vale observar os pontos abaixo:

  • Antes de sair de casa, pesquise o preço médio da moto que você quer comprar.
  • Se optar por comprar em uma loja independente, faça uma pesquisa junto aos órgãos de defesa do consumidos, verifique a idoneidade da empresa e a procedência do veículo.
  • Leve uma amigo ou um mecânico de sua confiança para ver a moto. Com a moto em funcionamento, verifique barulhos estranhos, vazamentos e se queima óleo.
  • Faça um test-drive e confira a estabilidade e o comportamento das suspensões e a eficiência dos freios.
  • Com o número do Registo Nacional de Veículos Automotores (RENAVAN), em mãos, consulte o Detran, veja se existem débitos, dívidas, etc.
  • Confira toda a documentação: imposto sobre a propriedade de veículos automotores (IPVA), seguro obrigatório(DPVAT), e certificado de registro e licenciamento do veículo, e não esquecer de verificar se a moto não consta no cadastro de veículos roubados (CNVR).
  • Se o recibo de venda estiver rasurado, o documento não será reconhecido em cartório, o certificado de transferência deve ser preenchido, datado, assinado e contar com firma reconhecida, a transferência deve ser realizada em 30 dias.
  • Antes de comprar qualquer veículo, o interessado pode solicitar a vistoria junto ao órgão de trânsito, as informações estão no site do Detran.
  • Exija nota fiscal e termos de garantia da revenda ou da loja, laudo técnico de inspeção e certificado da inspeção veicular ambiental(somente se estiver em São Paulo).

A personalização com envelopamento liquido trata-se da aplicação de uma tinta removível o envelopamento liquido, que depois que seca vira uma espécie de vinil.

Para envelopar um carro médio com está técnica usa-se em torno de 8 litro de tinta e a secagem total em torno de 3 horas a 3 horas e meia, sem a necessidade de se desmontar várias partes do veículo existem várias cores de tinta para você envelopar o seu carro, moto, caminhão, rodas, capacete enfim com o revestimento liquido pode se usado para vários envelopamentos, até a proteção com a tinta transparente sem alterar a cor do veículo e até mesmo também tem o envelopamento cromado pode ser encontrado.

Veja algumas fotos de carros, motos e até rodas envelopadas com o e envelopamento liquido:





Carro sendo envelopado com envelopamento liquido cromado:

Template Desenvolvido por: Oscar Tigre.